Categorias
Comportamento

Retrospectiva 2009

Esse ano, pela primeira vez, estou com vontade de assistir à Retrospectiva 2009.

Não foi um ano bom pra mim. Foi, com muita boa vontade, razoável e olhe lá. Se o programa fosse sobre a minha vida seria bem chato, com idas pro trabalho ouvindo rádio (BandNews FM, vejam como fico velho) e voltas num metrô apertado com o protagonista se perguntando se era aquilo ali mesmo que ele queria da vida. Não era. Talvez (re)vendo o que aconteceu em 2009 eu veja que pelo menos pro mundo foi um ano interessante.

Não sei como funciona esse programa, não sei se é dividido em meses ou em fatos ou ainda em categorias, tipo “Mortes importantes” e “Escândalos políticos”. De um jeito ou de outro tentei me lembrar o que marcou os noticiários em 2009 e fiz mentalmente uma pequena lista de coisas que eu queria parar de ouvir e não podia. A ordem de exposição é por ordem de aparição na minha lembrança e não por ordem de importância. Não que isso faça muita diferença.

Tiradentes e São Jorge, mas e Cabral?

Na próxima quinta-feira, graças a uma lei antes municipal e agora estadual, será feriado no Rio de Janeiro. Dia de São Jorge sabia? São Jorge, grande herói nacional… Não, não… Segundo a wikipedia São Jorge é o santo patrono extra-oficial do Rio de Janeiro. No dia que faltar São Sebastião fica São Jorge no lugar, pelo que eu entendi.

E o Obama vence nos EUA!

Não tenho nada pra falar sobre o Obama ter vencido nos EUA, exatamente como o Skylab não tinha nada a falar sobre as baleias.

Achei ótimo o resultado, uma vitória para a democracia, mudança radical em 44 anos nos EUA (os negros nem podiam votar há 44 anos, sabia?), etc., mas prefiro esperar mais um pouco para ter uma opinião.

Presidente americano sabe como é: ou faz na entrada ou faz na saída…

Gabeira perde eleições no Rio – Por quê?

Não era intenção falar de política aqui, mas com o resultado da última eleição preciso desabafar em algum lugar.

O Gabeira perdeu as eleições aqui no Rio de Janeiro porque pouco mais de 55.000 habitantes escolheram o outro candidato, mas porque decidiram votar nele? Um homem que trocou de partido 700 vezes, atacou ferozmente o presidente Lula e depois colocou o rabo entre as pernas e pediu ajuda na campanha merecia ter ganho? Dizemos ganhar mais pontos o candidato mais honesto, mais visionário, mais inteligente… tudo mentira.

Confesso que me decepcionei com o povo do Rio. Não se vota com consciência, com informação ou qualquer outra coisa boa e sim com um pouco de fofoca e ouvi dizer. Tudo que ouvi dizer contra o Gabeira foram argumentos preconceituosos e impensados, irracionais até. Achar que o homem ia querer liberar a maconha no Rio de Janeiro? Por favor né? Não acreditar nele porque ele mora na Zona Sul? O Eduardo Paes não mora em nenhuma favela não!

INSCREVA-SE!

Quer receber novos posts por e-mail? Inscreva-se na newsletter!